Niterói Mais Verde

Criação de frentes de conservação para ampliar e manter intactas as áreas verdes da cidade, com a repressão aos crimes ambientais e uso irregular do solo.

O projeto tem por finalidade ampliar a proteção e conservação das áreas verdes da cidade. Para isso foram criadas duas frentes de conservação: O Parque Natural de Niterói (Parnit) e o Sistema de Áreas de Proteção Ambiental (Simapa), com foco nas regiões sujeitas aos desastres naturais e ocupações irregulares.

ICONES SITE NITEROI_0012_19 - NITEROI MAIS VERDE

A área do Parnit forma um complexo de proteção ambiental, que engloba a Lagoa de Piratininga, a Serra da Tiririca e a cadeia de montanhas localizada entre a Zona Sul e a Região Oceânica. A região será transformada em área de conservação ambiental com a criação de parques ecológicos com infraestrutura e sinalização adequadas.

Já o Simapa, cuja sede será no Jardim Botânico de Niterói, o Horto do Fonseca, assume a responsabilidade pela fiscalização e coleta de denúncias de crimes ambientais. Duas patrulhas ficarão à disposição dos agentes. As unidades de conservação municipais receberão ações de reflorestamento e manutenção. Em relação às áreas verdes, a cidade conta com mais de 40% do território municipal protegido. Mas é necessário avançar. A meta (até 2033) é recuperar cerca de 500 hectares (5 milhões de m²) de área verde degradada.

Niterói não tem medido esforços para avançar na agenda ambiental. Afinal, uma cidade sustentável é aquela que não compromete a habilidade das futuras gerações em garantir suas próprias necessidades.

  • Verde 8
    Verde 5
    Verde 4
    Verde 3
    Verde 2
    Verde 1