Mais Saúde

Reduzir a taxa de mortalidade infantil é um dos objetivos desse projeto, que vai universalizar o acesso ao Programa Médico de Família à população mais vulnerável.

A atenção primária é a porta de entrada do cidadão no sistema de saúde. É através do atendimento básico que são realizadas as ações preventivas fundamentais para se enfrentar os problemas de saúde que podem ser evitados, especialmente em comunidades e demais áreas de baixa renda.

ICONES-INTERNA-MAIS-SAUDE

A ampliação e qualificação da rede de atendimento básico do município é o objetivo que estamos perseguindo.  E com relação a isso, a Niterói Saudável tomou para si uma meta bem ambiciosa: garantir que 100% da população das regiões mais carentes tenham acesso ao Programa Saúde da Família até 2020.

A taxa de cobertura das Equipes de Saúde da Família, segundo dados de 2012, era em torno de 69%.  Entre as iniciativas necessárias estão a formação de novas equipes do Médico de Família e o cadastramento mais preciso das pessoas que serão beneficiadas pelo programa.

O aumento na agilidade de marcação de consultas, exames e procedimentos é mais um dos problemas que exige enfrentamento. A solução virá com a implantação de um modelo de gerenciamento de pacientes mais moderno e eficiente. Outro ponto de preocupação que será atacado diz respeito à saúde bucal. Para tanto serão criados consultórios especializados.

O enfrentamento planejado dos problemas de acesso à saúde, especialmente entre as populações mais vulneráveis, vai resultar em melhores indicadores na área. Dentre os quais a redução da taxa de mortalidade infantil por mil habitantes, dos atuais 10,5% para cerca de 6%.

  • Header Mais Saude
    Mais Saude 1
    Mais Saude 6
    Mais Saude 8