Niterói Sem Miséria

Acabar com a miséria no município, usando as redes de serviço de proteção social do Governo Federal e incentivando a inclusão produtiva dos mais necessitados.

A erradicação da miséria está entre os objetivos mais cobiçados da sociedade niteroiense. Para vencer tamanho desafio, a prefeitura não se limitará a encaminhar as famílias pobres aos serviços de proteção e distribuição de renda do governo federal. Vai promover ações de incentivo à inclusão produtiva.

ICONES SITE NITEROI_0005_26 - NITERÓI SEM MISÉRIA

Apesar da renda média em Niterói estar entre as mais altas do Brasil, parcela significativa da população se encontra em situação de vulnerabilidade social. Cerca de 6% vivem com menos de R$110,00 de salário per capta e aproximadamente 30 mil pessoas dependem de assistência social para sobreviver.

O projeto Niterói Sem Miséria faz parte do Plano Municipal de Assistência Social e prevê diferentes ações voltadas para a geração de oportunidades, principalmente para os que têm menos condições. Com destaque para atitude proativa por parte da gestão pública: a localização e inclusão de todas as famílias extremamente pobres no Cadastro Único, encaminhando-as às redes de serviço de proteção social do governo federal; Ações de incentivo à inclusão produtiva, através de programas como Jovem Aprendiz e a geração de emprego e renda.

A essas ações somam-se a estruturação do Plano Municipal de Políticas Públicas para População em Situação de Rua; e ações de acompanhamento familiar, com prioridade para famílias beneficiárias dos Programas Bolsa Família, Renda Melhor e Renda Melhor Jovem.  Por fim, destaca-se a implantação do Sistema Único de Assistência Social (SUAS), que organiza, de forma descentralizada, os serviços sócios assistenciais no Brasil.

  • Reunião Bolsa Famíllia
    Em Cantos da Rua 036