Eficiente e Comprometida

Gestão fiscal transparente e responsável, serviços inteligentes para a cidadania, planejamento participativo. Essas e outras medidas estão entre as prioridades da gestão municipal para garantir uma administração pública moderna, eficiente e cada vez mais próxima do cidadão.

Niterói já é reconhecida como uma cidade com excelência em sua gestão fiscal e financeira, ocupando o 2º lugar no ranking do Estado do Rio de Janeiro com capacidade de gerar receita própria, investimentos, gastos com pessoal, suficiência de caixa e custo da dívida, segundo o Sistema Firjan.

Até 2020, o desafio é promover ações capazes de melhorar ainda mais a gestão fiscal e ampliar a arrecadação sem gerar novos custos para o cidadão.

Gestão Fiscal

Para enfrentar a grave crise econômica e financeira que se abateu sobre o País e Estado nos últimos anos e evitar que seus efeitos se tornem prejudiquem mais a cidade, a Prefeitura de Niterói investe em mecanismos que aumentem a arrecadação própria do município, sem majorar alíquotas, diminuindo a dependência de transferências correntes, como royalties de petróleo.

A continuação do projeto Gestão Fiscal Responsável prevê, agora, medidas como: implementar um modelo de gestão de concessão/renovação de benefícios fiscais; ampliar o atendimento eletrônico ao contribuinte via internet; implantar o modelo de gestão das informações econômico-fiscais bem como o modelo de apropriação e contabilização de custos, além de fortalecer o Tesouro Municipal com a implantação da Conta Única.

  • Implantar modelo de gestão de concessão e renovação de benefícios fiscais;
  • Ampliar o atendimento eletrônico ao contribuinte via web;
  • Fortalecer o Tesouro Municipal com a implantação da Conta Única.

Serviços Inteligentes para a Cidadania

O projeto de Serviços Inteligentes para a Cidadania envolve o uso de tecnologias e novos conhecimentos visando aprimorar a qualidade do serviço a cidadãos e aumentar a produtividade do gasto público.

Com essas ações, a Prefeitura quer reduzir ainda mais o tempo de resposta para solicitações de serviços como tapa-buraco, poda de árvores e substituição de iluminação além de melhorar a eficiência da gestão de água e energia em prédios públicos.

Monitorar o espaço urbano, o trânsito e o clima, entre outras ações, são iniciativas que tem por objetivo reduzir acidentes e desastres.

Nesse sentido, estão previstas parcerias técnicas com universidades, ONGs e empresas líderes em tecnologia e inovação.

  • Reduzir tempo de resposta a solicitações de serviços de Tapa-Buraco/Iluminação/Poda de Árvores;
  • Implantar sensoriamento do espaço urbano;
  • Melhorar a gestão de água e energia em prédios públicos municipais;
  • Realizar parcerias técnicas com universidades, ONGs e empresas líderes em tecnologia e inovação para melhorar os serviços aos cidadãos;
  • Aumentar a produtividade do gasto público.

Planejamento Participativo

O projeto de Planejamento Participativo tem como objetivo promover a integração entre os planos municipais de curto, médio e longo prazos para aprimorar a estratégia de planejamento orientada a resultados e fortalecer a participação social nessas ações.

Através dele serão elaborados o Plano Plurianual (PPA) 2018-2021 e os Planos de Metas Anuais seguindo as diretrizes e os indicadores do Plano Estratégico. O projeto contempla, ainda, a implantação de novas metodologias para medir os resultados das políticas, como a criação de um Sistema de Indicadores.

As ações preveem a implantação de Plataforma Digital e realização de conferências para recebimento de propostas e mapeamento de prioridades a serem incorporadas ao Plano Plurianual.

Disponibilizar sistema de monitoramento de resultados de políticas públicas é outra ferramenta prevista no projeto.

  • Implantar plataforma digital e realizar conferências presenciais para receber propostas e mapear prioridades para o Plano Plurianual;
  • Criar Sistema de Indicadores para o monitoramento dos resultados de Políticas Públicas;
  • Desenvolver plataforma que permita o acompanhamento das realizações da Prefeitura pela população.